Oportunidades de négocios

Empresas brasileiras trabalham e inovam para amenizar as emissões de gases de efeito estufa em suas operações e produtos. Conheça abaixo os casos! 12/07/2017
COMPARTILHE

Braskem reduz seu impacto a partir da produção de plástico de matéria-prima 100% renovável (2011)

Em junho de 2007, a Braskem anunciou a produção em caráter piloto do primeiro polietileno desenvolvido a partir do etanol de cana de açúcar certificado mundialmente. A inovação tem como foco utilizar matéria-prima renovável em lugar de derivados de petróleo, e resulta na redução do efeito estufa pela absorção do CO2 da atmosfera no crescimento da cana de açúcar. Para cada tonelada de polietileno verde produzida são sequestradas e fixadas até 2,5 toneladas de CO2.

Suzano torna-se pioneiro ao quantificar a pegada de carbono de seus produtos (2012)

Iniciado em 2009, o projeto da pegada de carbono da Suzano Papel e Celulose compreende o cálculo das emissões de gases de efeito estufa associadas ao ciclo de vida de seus produtos, o que levou a empresa a ser a primeira do setor a quantificar pegada de carbono baseada na metodologia PAS 2050 e certificar com o selo Carbon Reduction Label.

Mais Lidos

Nenhum post encontrado.